Meus olhos

Não Consigo te ver

Consigo sentir apenas sua respiração

Que sopra as mais profundas brisas das montanhas

Não Consigo te ver

Consigo apenas sentir o suor correndo pela sua pele

Pele que se une a pureza da leveza do vôo de um pássaro

 

Não Consigo te ver

Consigo sentir seu coração pulsar

Cada pulsar é uma nova esperança de te ver

Meus Olhos Meus Olhos

Não Consigo Te Ver

Vejo cada dia passar ligeiramente

Sem esperança fecho meus olhos

Só assim consigo te ver

Sam33 – Salsicha.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s