Sentados no banco do parque

Sabe as vezes você para pra pensar, e se dá conta que tudo gira, para tudo há uma possibilidade.
Em um certo momento você se depara com uma pessoa, que logo sorri para você, e percebe que é ali é que você vai progetar suas proximas horas de dedicação.
Sua vida fica mais florida, seus sorrisos são mais abertos, seus sonhos são mais reais, e você se depara com a felicidade.
Amor, paixão, você não sabe bem certo as palavras, expressões para falar sobre o que se passa em seu coração.
Você faz uma canção, para tocar aquele coração que bate tão tranquilo, como uma andorinha voando sobre o sol de cada manhã.
Quando você menos percebe, seu coração está envolvido em algo que não consegue controlar.
Você acorda, dorme, pensando em fazer algo, sentar em um banco de praça, ir ao cinema, passear no parque, tudo com aquela menina de coração tranquilo.
Sabe quando você faz aquela canção, aquela melodia, sentindo que vai ser para sempre.
Que vai ver aquele sorriso sempre, que vai beijar sempre aquela boca, mais vê que aquele coração continua batendo tranquilo.
E agora ? Pra quem eu vou falar de amor ?

“Sentados naquele banco do parque, você sempre rindo do meu sotaque…”

Salsicha – Sam 33

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s